4 F

Seleção de Santa Catarina é campeã invicta

Publicado em: 24/03/2019 18:03
Seleção catarinense, campeã neste domingo (Créditos: Divulgação/CBV)

A seleção de Santa Catarina é campeã do Campeonato Brasileiro de Seleções (CBS) sub-16 feminino Divisão Especial de vôlei sem perder nenhum jogo. O time dirigido pelo técnico Márcio Rauber venceu, neste domingo (24.03), o sétimo jogo na competição que teve início na última quarta-feira (20.03) e foi realizada no CDV, em Saquarema (RJ).

A programação deste último dia de campeonato teve início com a vitória de Pernambuco sobre o Distrito Federal por 3 sets a 0 (25/17, 25/20 e 25/20). Logo depois a seleção paulista bateu a carioca também por 3 a 0, com parciais de 25/23, 25/22 e 25/12, definindo as outras duas posições do pódio.

Em mais um 3 sets a 0, a seleção de Minas Gerais levou a melhor sobre a do Paraná (25/19, 25//16 e 25/20), e, para conquistar o título de campeão de forma invicta, Santa Catarina derrotou o Rio Grande do Sul por 3 sets a 1, de virada, com parciais 19/25, 25/13, 25/16 e 24/23).

Após a partida, o técnico da seleção campeã, Márcio Rauber, fez questão de comemorar e, acima de tudo, enaltecer a força do time através, em especial, da união das suas comandadas.

“Para falar dessa equipe, precisamos falar de toda a trajetória. Foi um grupo que, em todos os momentos, desde a etapa seletiva, foi extremamente unido. Elas têm uma alegria contagiante em todas as atividades propostas, e se portaram como uma família esportiva. Isso respingou e, associado a qualidade técnica e tática do grupo, junto a humildade e determinação, passo a passo conseguimos crescer durante a competição”, afirmou Márcio.

O treinador de Santa Catarina ainda complementou. “Não tivemos uma equipe com uma vantagem física muito grande, porém foi um time que superou essa questão através da qualidade técnica e tática associada a união entre todas elas e a comissão técnica. Fico muito feliz em estar conseguindo, junto com as atletas e familiares, registrar essa caminhada dourada e gostaria de parabenizar a todos que nos ajudaram nesta conquista”, concluiu Márcio Rauber.

Santa Catarina venceu o campeonato com sete vitórias em sete jogos e o total de 19 pontos. Com apenas um a menos, 18, São Paulo ficou com a segunda colocação, seguido por Rio de Janeiro, que encerrou sua participação com 15 pontos.

Minas Gerais foi o quarto colocado, com 14 pontos; Paraná somou nove e ficou em quinto lugar; Pernambuco, com seis pontos, terminou em sexto; Rio Grande do Sul, com três, foi o sétimo, e a seleção do Distrito Federal encerrou o campeonato em oitavo lugar, sem conseguir pontuar.

A tradicional competição de base do voleibol brasileiro já teve quatro competições em 2019. No sub-18 Primeira Divisão, o título ficou com a seleção da Paraíba, enquanto na Divisão Especial o campeão foi o Rio de Janeiro. Na categoria sub-19 masculino, realizada na semana passada, o vencedor da Primeira Divisão foi Ceará. Na Divisão Especial, o título ficou com São Paulo.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

1º - Santa Catarina

2º - São Paulo

3º - Rio de Janeiro

4º - Minas Gerais

5º - Paraná

6º - Pernambuco

7º - Rio Grande do Sul

8º - Distrito Federal

CBS SUB-16 FEMININO DIVISÃO ESPECIAL

PRIMEIRA RODADA – 20.03 (QUARTA-FEIRA)

Jogo 1 – Paraná 3 x 1 Pernambuco (25/20, 28/26, 21/25 e 25/22)

Jogo 2 – Minas Gerais 3 x 0 Distrito Federal (25/10, 25/10 e 25/13)

Jogo 3 – São Paulo 1 x 3 Santa Catarina (25/17, 20/25, 21/25 e 17/25)

Jogo 4 – Rio de Janeiro 3 x 0 Rio Grande do Sul (25/15, 25/19 e 25/9)

SEGUNDA RODADA – 20.03 (QUARTA-FEIRA)

Jogo 5 – Paraná 3 x 0 Distrito Federal (25/8, 25/15 e 25/18)

Jogo 6 – Minas Gerais 3 x 0 Pernambuco (25/15, 25/10 e 25/20)

Jogo 7 – São Paulo 3 x 0 Rio Grande do Sul (25/20, 25/21 e 25/18)

Jogo 8 – Rio de Janeiro 2 x 3 Santa Catarina (14/25, 25/13, 15/25, 25/23 e 14/16)

TERCEIRA RODADA – 21.03 (QUINTA-FEIRA)

Jogo 9 – Paraná 0 x 3 São Paulo (12/25, 10/25 e 18/25)

Jogo 10 – Minas Gerais x Rio de Janeiro, às 15h

Jogo 11 – Rio Grande do Sul 1 x 3 Pernambuco (16/25, 25/20, 22/25 e 20/25)

Jogo 12 – Santa Catarina 3 x 0 Distrito Federal (25/11, 25/8 e 25/12)

QUARTA RODADA – 22.03 (SEXTA-FEIRA)

Jogo 13 – Paraná 3 x 0 Rio Grande do Sul (25/23, 25/19 e 25/17)

Jogo 14 – Minas Gerais 2 x 3 Santa Catarina (25/23, 25/12, 17/25, 19/25 e 11/15)

Jogo 15 – Rio de Janeiro 3 x 0 Pernambuco (25/11, 25/14 e 28/26)

Jogo 16 – São Paulo 3 x 0 Distrito Federal (25/10, 25/14 e 25/10)

QUINTA RODADA – 22.03 (SEXTA-FEIRA)

Jogo 17 – Paraná 0 x 3 Santa Catarina (18/25, 18/25 e 20/25)

Jogo 18 – Minas Gerais 3 x 0 Rio Grande do Sul (25/20, 25/20 e 29/27)

Jogo 19 – Rio de Janeiro 3 x 0 Distrito Federal (25/17, 25/9 e 25/19)

Jogo 20 – São Paulo 3 x 1 Pernambuco (25/27, 25/15, 25/15 e 25/14)

SEXTA RODADA – 23.03 (SÁBADO)

Jogo 21 – Paraná 0 x 3 Rio de Janeiro (21/25, 22/25 e 15/25)

Jogo 22 – Minas Gerais 1 x 3 São Paulo (22/25, 29/27, 26/28 e 20/25)

Jogo 23 – Rio Grande do Sul 3 x 0 Distrito Federal (25/13, 25/14 e 25/20)

Jogo 24 – Santa Catarina 3 x 0 Pernambuco (25/13, 25/23 e 25/21)

SÉTIMA RODADA – 24.03 (DOMINGO)

Jogo 25 – Pernambuco 3 x 0 Distrito Federal (25/17, 25/20 e 25/20)

Jogo 26 – Rio Grande do Sul 1 x 3 Santa Catarina (25/19, 13/25, 16/25 e 23/25)

Jogo 27 – São Paulo 3 x 0 Rio de Janeiro (25/23, 25/22 e 25/12)

Jogo 28 – Minas Gerais 3 x 0 Paraná (25/19, 25//16 e 25/20)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais